Em seus versos
Vejo sua alma refletida
E, como és linda!
Não só de corpo
Mas, também, em palavra
Não só o físico
Porém, também, a alma

Que os homens, ignorantemente, não a julgue só pelo belo externo
Para que não ofusque o seu lindo ser interno
Vi toda sua espiritualidade no castanho dos seus olhos grandes
Em que me apaixonei como Krishna por Radharani

És completa menina!
Em espírito e corpo
Tua beleza sábia
Reanima a alma
No meu depressivo ser…
… Quase morto

Onde me manifesto… sou como o entardecer, onde o vento passa ao silêncio da morte e as árvores vibram ao ver passar. Se não me manifesto… no nada tudo serei.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store